Um bate-papo com os músicos do Projeto 4 Cantos

Um bate-papo gostoso com os quatro músicos do Projeto 4 Cantos - Rodrigo Zanc, Wilson Teixeira, Cláudio Lacerda e Luiz Salgado -, voltado para famílias, desde as crianças até os avós, acerca da música e da cultura brasileiras, abordando temas relacionados ao trabalho que cada um desenvolve, tais como:

- Danças e festas tradicionais de origem portuguesa (Folia de Reis, Quadrilha, Santa Cruz, Cateretê, Fandango, Reizado), africana (Congada, Maracatu, Batuque) e indígena (Carimbó).

- Ritmos caipiras (querumana, pagode-de-viola, cateretê, toada, guarânia, moda de viola, arrasta-pé).

- Elementos do folclore brasileiro (Saci-Pererê, mula sem cabeça, boitatá, caipora/curupira, boto, Iara).

- História da viola caipira no Brasil.

- Música sertaneja e música do sertão.

Rodrigo Zanc

Pesquisa a viola brasileira e suas influências há mais de 20 anos, lutando incansavelmente pela manutenção e pela propagação da cultura ligada ao instrumento. Participou de vários festivais, dentre eles, o Viola de Todos os Cantos, da EPTV - Rede Globo, tendo chegado às finais de 2005 e de 2007. Em 2006, lançou Pendenga, seu primeiro CD. Em 2010, Rodrigo Zanc foi à Europa divulgar seu trabalho. Em 2011, iniciou o Projeto 4 Cantos, com os amigos violeiros cantadores Cláudio Lacerda, Luiz Salgado e Wilson Teixeira. Em 2013, produziu seu segundo disco, Fruto da Lida. Em 2015, foi selecionado para o 26º Prêmio da Música Brasileira. 

Wilson Teixeira

Natural de Avaré (SP), estudou violão e piano erudito. Participou de diversos festivais relacionados com a viola ou a música regional, como os de Tatuí (SP), Ilha Solteira (SP), Avaré (SP) e Ponta Grossa (PR). Em 2001, integrou a gravação do CD “Ciranda de Cantigas”, organizado por Salatiel Silva. Em 2004, passou a fazer parte da equipe de músicos dos Trovadores Urbanos. E, em 2007, gravou o CD “Almanaque Rural”. Em 2011, iniciou o Projeto 4 Cantos, com os amigos violeiros cantadores Cláudio Lacerda, Luiz Salgado e Rodrigo Zanc. Atualmente, está finalizando seu segundo disco, Casa Aberta.

Cláudio Lacerda

Estreou em 2003, com o CD “Alma Lavada”. Dois anos depois, venceu o I Prêmio Nacional de Excelência da Viola Caipira, como melhor intérprete, feito repetido nas outras duas edições do Prêmio, realizadas em 2010 e em 2013. Já dividiu palco e faixas de seus discos com nomes como Dominguinhos e Renato Teixeira. Em 2007, gravou seu segundo CD, “Alma Caipira”, em homenagem aos compositores do gênero, e em 2010, o autoral “Cantador”, ambos selecionados para o Prêmio da Música Brasileira. Em 2011, iniciou o Projeto 4 Cantos, com os amigos violeiros cantadores Luiz Salgado, Rodrigo Zanc e Wilson Teixeira. Descendente de mineiros, Cláudio Lacerda sempre esteve ligado à música regional, elo reforçado no período que realizou sua graduação em zootecnia em Botucatu (SP), região conhecida como um dos berços da música caipira paulista.

Luiz Salgado

Mineiro de Patos de Minas, suas composições são ligadas ao folclore, exaltando a biodiversidade e a cultura do povo do cerrado. Foi premiado em diversos festivais, como o Marolo de Ouro (1º lugar), em Paraguaçu (MG); o Festcol (1º lugar), em Colatina (MG); o Canto do Sol (1º lugar), em Pirapora (MG); e o Canções para Arteiros, do Itaú Cultural. Gravou os discos “Trem Bão” (2003), “Sina de Cantadô” (2008), “Navegantes” (2012) e “2 Mares” (2013), além do DVD “Noite e Viola” (2010). Em 2011, iniciou o Projeto 4 Cantos, com os amigos violeiros cantadores Cláudio Lacerda, Rodrigo Zanc e Wilson Teixeira. Atualmente, está trabalhando na produção do CD “Quanto mais meus óio chora, mais o mar quebra na praia”.

Joomla 3.0 Templates - by Joomlage.com